Louvores para Refleções

terça-feira, 9 de outubro de 2012

Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida. Ninguém vem ao Pai senão por mim, Jo 14.6.

    Quando Jesus Cristo fez esta revelação, deu a entender que seus discípulos deveriam segui-lo numa forma diferente de como prossegue o mundo. Esta distinção é mencionada por nosso Senhor Jesus Cristo em (Mt 7.13-14), quando diz: “Entrai pela porta estreita, porque larga é a porta, e espaçoso, o caminho que conduz à perdição, e muitos são os que entram por ela.” Ele continua dizendo, “E porque estreita é a porta, e apertado, o caminho que leva à vida, e poucos há que a encontrem”.
     Na frase “Eu sou o caminho”, Jesus estava falando acerca de sua preparação no Rio Jordão (batismo) e culminando na cruz. O Apóstolo Paulo em (Hb 10.20), o identificou como “novo e vivo caminho que ele nos consagrou”, através do sangue de Jesus e que as vezes se menciona como o “caminho da cruz”. Esta é a única maneira disponível que conduz a vida e não há outra maneira de chegar ao Pai ao não ser pelo caminho da cruz de Cristo.



Pr. Gilson Pereira.

Nenhum comentário: