Louvores para Refleções

domingo, 14 de outubro de 2012

Verdadeira fonte de água viva, Jesus Cristo.

     Nesta ocasião estava o Senhor Jesus sentado junto ao poço de Jacó em Sicar cidade de Sumária, e ao se aproximar uma mulher samaritana, ele pede a ela um pouco de água (Jo 4.7), e como resposta recebeu um não e uma reação de indignação por parte da mulher, pois, os judeus eram inimigos dos samaritanos e não se comunicavam (Jo 4.9), todavia, qual foi à resposta do Senhor Jesus para aquela mulher? “Qualquer que beber desta água tornará a ter sede. Mas aquele que beber da água que eu lhe der nunca terá sede, porque a água que eu lhe der se fará nele uma fonte de água que salte para a vida eterna” (Jo 4.13-14, Cristo refere-se aos prazeres terreno, pois, alivia momentaneamente mais logo a sede volta, e ela nunca é saciada; olhemos mais uma vez para o particular desta mulher, revelado pelo Senhor Jesus quando disse: “Você teve cinco maridos, e o que agora tens não é teu marido”(Jo 4.15-19), perceba, existia uma sede na alma desta mulher que ela desconhecia, e talvez ela pensasse que trocando de marido resolveria o problema, isto não ocorreu à sede da alma em ser feliz no matrimonio ainda estava nela, e agora, ela deixa de casa-se e passa a estar com alguém sem os laços do matrimonio, pois, como disse o Senhor Jesus que “a pessoa que ela estava não era seu marido”; reflita comigo, talvez ela pensa-se já tive tantos casamentos fracassados, tantas promessas não cumpridas, e a partir de agora eu não vou casar mais, vou amigar, vou ter amantes, porem, a sede da alma permanecia nela até aquele momento, pois, a partir dali sua história seria mudada, pois, ela acabará de encontrar aquele quem tem água para saciar a sede da alma seu nome é Jesus Cristo o Filho de Deus; e disse a mulher “Dá-me dessa água, para que não mais tenha sede” (Jo 4.15). O Senhor Jesus ficou em Sumária por dois dias (Jo 4.40), ensinando o caminho de Deus o Pai aos samaritanos, pois, a palavra de Deus é Água pura e cristalina, e com isto aquela mulher e o povo samaritano foram saciados veja: “E diziam à mulher: Já não é pelo teu dito que nós cremos; porque nós mesmos o temos ouvido, e sabemos que este é verdadeiramente o Cristo, o Salvador do mundo” (Jo 4.42).




Pr. Gilson Pereira.

Nenhum comentário: