Louvores para Refleções

sábado, 20 de outubro de 2012

Deus peleja por nós.

Nunca devemos olhar pela julgo que o homem e a sua justiça nos condena a cada dia, ou seja, por vim lutas, acusações



















O Agir de Deus em nossas Vidas...

       Em (Jo 11:40), respondeu- lhe Jesus: não te disse eu que, se creres, verás a glória de Deus?
      Creres significa ter fé acreditar não precisamos questionar como o senhor vai agir mesmo que aparentemente não vemos mudança o senhor já esta agindo a quando colocamos a nossa fé em ação e entregamos o problema a ele. a ação de Deus começa a se estabelecer dando ordem no mundo Espiritual que logo ira se realizar no plano matéria (Zc 4.6), não por força nem por poder, mas pelo meu Espírito, diz o Senhor dos exércitos.
      Em (Mc 9.23) se podes! tudo é possível ao que crê (v .24), e imediatamente o pai do menino exclamou (com lágrimas): eu creio!ajuda- me na minha falta de fé! (v. 25), vendo Jesus que a multidão concorria, repreendeu o espírito imundo, dizendo- lhe:espírito mudo e surdo, eu te ordeno:sai deste jovem e nunca mais tornes a ele. Em (Is 49.16), eis que nas palmas das minhas mãos eu te gravei.a cada vez ,que ele estende as mãos para agir, ele depara com o seu nome.ele tem o maior zelo por você o seu nome está impresso nas mãos dele.você é obra das mãos dele, nada está fora do controle dele. Fala em (Fp 4. 6), não andeis ansiosos por coisa alguma; antes em tudo sejam os vossos pedidos conhecidos diante de deus pela oração e súplica com ações de graças; apresente a ele, as suas petições e  dai graças a tudo o que já tem e fique em paz. o agradecer nos coloca em harmonia com o senhor é uma forma de reconhecer o que ele já nos proporcionou. devemos ser gratos pela nossa vida o ar que respiramos a água que bebemos se você começar a enumerar as bênçãos que o senhor já lhe proporcionou começará a perceber quantas bênçãos já possui em sua vida.
      Já em (Rm 8. 28), sabemos que todas as coisas concorrem para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito. Manda em (Sl 37.5), entregar o teu caminho, ao senhor confia nele e tudo ele fará entrega a sua vida e ele que cuidara de todas as coisas, pra você, ele vai entrar em ação e agindo deus, quem impedirá? (Is 43.13).
      Ninguém jamais vai poder dizer ao Senhor não faça isso ou aquilo, ninguém pode paralisar o agir de Deus o Senhor é soberano e pode todas as coisas. com Ele estamos seguro (Sl 4.8), em paz me deitarei e dormirei, porque só tu, senhor, me fazes habitar em segurança. Fala em (Sl 91.1), que aquele que habita no esconderijo do altíssimo, à sombra do todo-poderoso descansará.não ter receio, sossegue as emoções, se apóie no senhor e deixe tudo aos cuidados dele. No (Sl 29.11), o Senhor dá força ao seu povo, o Senhor abençoa com paz o seu povo. Não devemos duvidar nem olhar para trás como a mulher de Ló que se transformou em estatua de sal quando olhou para trás. Com confiança no Senhor devemos seguir em frente!
      O senhor age até em meio de muita confusão, (1Sm 16.7) não atentes para a sua aparência nem para a sua altura pois o Senhor não vê como o homem. o homem vê o exterior, porém o Senhor, o coração.
      Aquietai- vos e sabei que eu sou Deus...




Pr. Gilson Pereira.

A minha alma tem sede de Deus.


          A minha alma tem sede de Deus, do Deus vivo; quando entrarei e me apresentarei ante a face de Deus? (Sl 42:2)
         A nossa alma anseia por Cristo, porque desde a criação nós possuímos um vinculo com Deus. O ser humano foi criado por Deus, logicamente, o ser humano anseia pelo criador. Os homens em comunhão com Deus não conseguem ficar longe dele, cada vez mais, buscam-no mais. A nossa alma é sedenta de Deus.Seja ímpio, evangélico, ou qualquer ser humano. Todo homem que sente, experimenta a comunhão com o Pai ficará anelando por sua presença (Sl 42.1-51).
        Todo homem é espírito, alma e corpo, mas geralmente a concepção das pessoas é alma e corpo. O homem possui essa dimensão tripla! O nosso corpo é á parte material, onde ficam nosso sentidos físicos, e já a alma é aquilo que entramos em contato conosco mesmos, sendo o centro de nossa personalidade. Porém o espírito é a parte onde nós temos comunhão com Deus, a parte mais importante e o centro de todo nosso ser. Deus habita em nosso espírito.
       Todos os seres humanos são pecadores e, portanto, vítimas das consequências mortais do pecado (Sl 51:5, Rm 3:23). Fundamentalmente, o pecado rompe a comunhão entre DEUS e o homem.O perdão de DEUS é o recurso divino para remover o pecado e restaurar a comunhão.O perdão de DEUS é:Completo (Sl 103:12, Is 1:18);É eterno (Is 44:22, Jr 31:34);Está sempre disponível (Sl 86:5, 1Jo 1:9).
       A Bíblia, no livro do Gênesis, nos ensina que no 6º dia da criação Deus criou o ser humano à Sua imagem e semelhança (Gn 1. 27, 2.7). A Bíblia mostra o poder criador de Deus, através da palavra:"faça-se".Depois de tudo criado, Deus disse: "Façamos o homem à nossa imagem e semelhança".Você percebe como fomos criados de maneira especial? Depois que criou tudo para o homem, Deus criou o homem e a mulher para Sua Glória! e para sua Adoração.




Pr. Gilson Pereira.

Na oração: Sozinho com Deus.

          Mas tu, quando orares, entra no teu aposento, e fechando a tua porta, ora a teu Pai, que está em secretos; e teu Pai, que vê secretamente, te recompensará (Mt 6.6).
          Devemos ter um local especial para conversar com Deus, seja uma sala, no seu quarto , para termos uma privacidade e intimidade (v.6,24.26,Lc 12.3,24).
          Orar em segredo será honrado publicamente por Deus (Mt 10.40-42). Esse versículo aponta primordialmente para os varões e varoas, que na brecha, ao pedir uma benção para Deus, ele coloca não só os seus, mais do próximo, que muitas das vezes está tão fraco e necessitando da ajuda de quem pode interceder por ele.





Pr. Gilson Pereira.

A importância de Deus na nossa vida.


      Deus sempre nos deu o que de melhor tinha para dar, deu-nos a vida, a liberdade, e acima de tudo, deu-nos o seu amor incondicional. E nós, seremos capazes de dar o nosso melhor a Deus?
         Portanto, não se preocupem com a sua própria vida, quanto ao que comer, beber e vestir. Não é a vida mais importante que a comida, e o corpo mais importante que a roupa?
Observem as aves do céu: não semeiam nem colhem nem armazenam em celeiros; contudo o Pai celestial as alimenta.
        Por que vocês se preocupam com roupas? Vejam como crescem os lírios do campo.Eles não trabalham nem tecem.
       Contudo, eu lhes digo que nem o rei Salomão, em todo o seu esplendor, vestiu-se como eles. Se Deus veste assim a erva do campo, que hoje existe e amanhã é lançada ao fogo, 
não vestirá muito mais a vocês, homens de pequena fé?
       Portanto, não se preocupem, dizendo: "Que vamos comer" ou "Que vamos beber" ou " Que vamos vestir"?
        Pois os pagãos é que correm atrás dessas coisas; mas o Pai celestial sabe que vocês precisam delas.
       Busquem, pois, em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça, e todas essas coisas lhes serão acrescentadas (Mt 6 25-33).

Oito razões por que não devemos nos preocupar:

        1º. A vida é mais do que o mantimento (v. 25).
        2º. O corpo é mais do que o vestuário (v. 25).
        3º. O homem tem mais do que os bens materiais (v.25).
        4º. O homem tem mais valor do que do que as aves do céu, as quais Deus alimenta sem que elas precisem trabalhar (v.26).
        5º. A preocupação não consegue mudar o corpo (v.27).
        6º. Os homens são melhores do que as plantas que não se preocupam com o seu vestuário (v.27).
        7º. A providência de Deus está sobre todas a criação, não somente sobre as aves e plantas que nunca compram, vendem, manufaturam ou trabalham (v.26-32).
        8º. A preocupação é inútil e pecaminosa e não deve ser tolerada (v.33,34).
        Pois quaisquer coisa que estiver para acontecer não pode ser impedida pela preocupação; e se não acontecer; não existia razão para a preocupação. As adversidades certamente virão, e só seremos vitoriosos se depositarmos nossa confiança em Deus.
         



Pr. Gilson Pereira.

A sabedoria humana e a palavra viva da cruz.

           É claro que somos loucos..... ou seja, doidos por Jesus Cristo, pois a partir do conhecimento verdadeiro da palavra que "Salva, Cura e Liberta" e o significado da cruz que o Senhor carregou para pagar todas as nossas dividas com o Satanás e levar com Ele todo o mal, jamais deixaremos ela para traz.
          Para nós que estamos seguindo o caminho  do Redentor para sermos salvos, a salvação tem um aspecto de presente e futuro (Rm 13.13, Fp 2.12, 1Ts 5.8,9, 2Tm 1.9,3.15,4.18,1Pe 1.5).
          A pregação de Cristo, do evangelho e da cruz salva a alma dos homens (1Co 1.18-24,Rm 1.16).





Pr. Gilson Pereira.

Dançando na chuva.



     O Senhor te guiará continuamente, e te fartará até em lugares áridos, e fortificará os teus ossos; serás como um jardim regado, e como um manancial, cujas águas nunca falham. Isaías 58:11.
     Em 1986 tive minha primeira experiência no campo missionário, apesar de ser muito novo, fui morar em uma cidade chamada Gurjão. Cidade esta localizada no cariri Paraibano. Juntamente com minha mãe começamos o trabalho e a construção da igreja Assembléia de     Deus, ali naquele município.
     O estado da Paraíba na época, estava enfrentando um período de estiagem muito longo. Todas as cidades do Sertão e do cariri, estavam em estado de calamidade e emergência, o governo tentava em vão diminuir o sofrimento daqueles agricultores. Fazia exatamente três anos que não chovia, a imagem do município era triste, os agricultores sentavam na única praça para lamentar e esperar pela tão esperada chuva. Toda à tarde vinha temporal, mas de areia, formava-se aqueles redemoinho de folhas e palhas secas. Sofremos muito ali com a falta de água, lembro-me como se formava filas a espera do carro pipa. 

Era muito triste, ficávamos em uma fila interminável com vasilhas vazias nas mãos, outras pessoas marcavam suas posições na fila com tonéis, latas de óleo, em fim, todo vasilhame que estava disponível para pegarem o máximo de água. 
     Como era triste quando o caminhão quebrava ou simplesmente não aparecia. Tínhamos que caminhar, às vezes, 40 minutos carregando água nos ombros, se virando como podia. Às vezes a fila era imensa e quando acabava o caminhão pipa de descarregar toda água, os rostos dos moradores com as latas e vasilhas vazias em suas mãos, era de cortar o coração.


Como a falta d água gera perdas, por ela se mata, por ela se morre. A visão em volta desta cidade era cinza, e avermelhada pelo barro que estava localizada na cidade.


     Esta triste historia, com outras, teve o cenário modificado, com a chegada da água. Um belo dia os agricultores pegaram seus arados puxados por bois e movido pela fé, somente a fé araram aquela terra seca cheias de cardos e espinhos. E para surpresa de todos, Deus se lembrou de nós e ouviu nossa oração, enviando abundancia de chuvas. 

Eu corri para rua e de tanta alegria não queria acreditar no que estava vendo, brincava e dançava debaixo das marquises dos armazéns tomando banho de chuva. A maioria dos moradores, as crianças pulavam e dançavam na enxurrada. Que alegria a água proporcionou aquela região, foi muito marcante esta imagem.

     O mundo está seco, eles precisam de água, não a água que perece, mais a água da vida que é Jesus. Certa ocasião Jesus sente cede e pede a mulher samaritana um pouco de água. Ela não compreende o que o Mestre diz; Simplesmente após experimentar da água da vida, toda Samaria conhece a fonte desta água chamada Jesus. João 4:7-15. 

     Porque há esperança para a árvore, que, se for cortada, ainda torne a brotar, e que não cessem os seus renovos. Ainda que envelheça a sua raiz na terra, e morra o seu tronco no pó contudo ao cheiro das águas brotará, e lançará ramos como uma planta nova. Jó 14:7-9
Mas aquele que beber da água que eu lhe der nunca terá sede; pelo contrário, a água que eu lhe der se fará nele uma fonte de água que jorre para a vida eterna. João 4:14




Por Josiel Dias.

Quando o viu deitado e soube que ele vivia naquele estado durante tanto tempo, Jesus lhe perguntou: “Você quer ser curado?” Jo 5.6.

 O que Jesus estava tentando fazer era unir ideias contraditórias que surgem quando você ouve expressões como “prazer miserável”, “docemente terrível”, “perdendo vitoriosamente”, e a que um bêbado certa vez disse a um amigo pastor: “Pastor, estou sentindo uma paz infernal.”
 A pergunta de Jesus “Você quer ser curado?” era retórica. O paralítico não respondeu: “Não, eu estou aqui apenas aproveitando o Sol de hoje para me bronzear.” Ali em Betesda havia muitos casos que mereciam atenção, mas Jesus escolheu o pior deles. Jesus perguntou: “Você quer voltar a andar; quer ficar curado e viver plenamente sua vida?” Esperança, desejo e alegria, tudo estava dentro dessa pergunta para lhe despertar a fé. Assim, a pergunta dirigida ao paralítico apresenta um forte paradoxo.
Jesus estava no meio de gente desafortunada e triste, que dizia: “Não posso, não sou suficientemente forte para entrar no poço.”
Todos os métodos que aquele homem tinha experimentado para ser curado haviam dado em nada. A esperança era continuamente reavivada sempre que ele fazia nova tentativa, mas era seguida de amargo desapontamento. O abandono dos amigos o havia deixado ainda mais desanimado.
Em contraste com os 38 anos de espera, a Bíblia diz que ele imediatamente voltou a andar.
Hoje, para tentar responder à pergunta “Você quer ser curado?”, muitas pessoas se voltam para a autoajuda. Você pode visitar sua livraria predileta e vai perceber quanto espaço é dedicado a essa seção, equivocadamente colocada junto a livros de assuntos espirituais. E se você vir catálogos de grandes livrarias, vai descobrir também a predominância de espaço dedicado à autoajuda.
O grande médico Jesus continua hoje Suas caminhadas, indo ao encontro dos menos valorizados e dos mais necessitados. Ele quer transformar sua casa, seu local de trabalho, de estudo, em uma Betesda, uma “casa de misericórdia”.
Ouça a pergunta de Jesus feita diretamente para você: “Você quer ser curado?” Que problemas você está enfrentando agora para os quais necessita de ajuda? Que lutas você não está conseguindo vencer?
Senhor, admito que sou pecador. Reconheço que sem Tua ajuda nada vou conseguir. Hoje quero aceitar Teu poder para minha vida.




Porém Sião diz: Já me desamparou o SENHOR, e o meu Senhor se esqueceu de mim. Isaías 49:14
 Você já foi esquecido alguma vez? Como é ruim ser esquecido não é mesmo?

Minha mãe conta uma historia, que quando eu era bem pequeno, minha irmã me levou ao armazém para comprar algo para nossa casa. Chegando lá minha irmã me pôs sentadinho em cima do balcão enquanto arrumava as compras, mas simplesmente me esqueceu. Segundo relatos da minha irmã, ao chegar em casa com as compras feitas, lembrou-se que havia esquecido de algo muito importante, seu irmãozinho.

Voltou correndo ao armazém e me encontrou nos braços de estranhos e chorando muito...

Eu não me lembro deste acontecido, mas a sensação de ser esquecido é horrível... É uma sensação de desamparo, desprezo e abandono. Eu não estava chorando a toa, simplesmente eu não queria estar nos braços de quem não conhecia...

O texto base desta reflexão retrata muito bem o que “Sião” estava sentindo: desamparo, desprezo, abandono e esquecimento. Mas o Deus misericordioso e Pai das consolações usa tremendamente o profeta Isaías para confortar seu povo. Usando o profeta Diz: Porventura pode uma mulher esquecer-se tanto de seu filho que cria que não se compadeça dele, do filho do seu ventre? Mas ainda que esta se esquecesse dele, contudo eu não me esquecerei de ti. Isaías 49:15.

Retire de você meu querido irmão toda sensação de desamparo, desprezo e esquecimento. Deus jamais se esquecerá de você. Ele no texto acima diz: Mesmo que uma mãe que amamenta seu filho venha esquecer-se dele, mesmo que ocorra este fato, Deus jamais se esquecerá de seu povo.

Confortando e consolando Sião Ele também diz: Tenho vocês gravados na palma de minhas mãos, portanto não ocorrerá isso, fiquem calmos.

Não se esqueça deste detalhe, Deus nunca se esquecerá de você fique com esta palavra e aquiete-se. Receba hoje a consolação de seu Pai.

Eis que nas palmas das minhas mãos eu te gravei; os teus muros estão continuamente diante de mim. Isaías 49: 16.




Por Josiel Dias
IEC Alcântara


sábado, outubro 20, 2012
CGADB 2013 - Menos política e mais evangelização

Estou escrevendo este artigo a uma semana da decisão do segundo turno das eleições, um dos maiores embates políticos da nossa nação. De um lado está o autor do famigerado  "kit gay", de outro um vovô cuja esposa cortou o capelão para evitar o rótulo de crente. Vou aproveitar este evento para fazer uma análise quanto ao futuro da  Igreja Evangélica  Assembléia de Deus. Naturalmente, nem tudo que escrever vai agradar aos leitores deste blog, uma vez que não sou, nem pretendo ser, o dono da verdade - que não é outro, senão Nosso Senhor Jesus Cristo.

Na Rede TV em São Paulo, Capital, hoje não está sendo veiculado o programa Vitória em Cristo - do Pastor Silas Mala faia.  Não foi ao Ar o programa da Igreja Presbiteriana, nem os 15 minutos do Pastor James, nem o programa do Pastor Silas - das 09 às 10:00 h , nada. Nada. Desconfio de que  deve ter alguma liminar, alguma coisa barrou o programa do pastor. Esta reação, com certeza, tem a ver com o Pastor Silas Malafaia, que extrapolou o limite do bom senso e falou uma grande besteira: Que iria "arrebentar" com Haddad [nas urnas].

Não vai. 

E não vai porque o que está em questão não é  assuntos religiosos, mas o próximo governo político de uma metrópole  com 11,3 milhões de pessoas.  Cada um no seu quadrado. Deus de um lado e César, de outro. 

A função da Igreja é ser o sal para conservar a  terra. Ela não foi instituída por Jesus Cristo para governar a Terra neste momento. Sua missão principal é  emitir o passaporte do Reino de Deus para os cidadãos que habitam no espiritual da Corrupção e do Pecado. E quando a liderança de uma Igreja pula a cerca do bom senso o resultado é um tiro no pé. Foi isso que o Pastor Silas fez. E eu posso criticá-lo, porque sou contribuinte do seu Ministério.

De repente, a Igreja Evangélica do ramo pentecostal, que era completamente alienada da política, tomou gosto pela coisa, e pendeu para o outro extremo -  ser agente principal do próprio processo político. O bom senso não está nos extremos. Aquele que milita, não deve se embaraçar com os negócios desta vida, a fim de agradar aquele que o alistou para a "guerra". Guerra contra as trevas espirituais.

Fernando Haddad vai ser o próximo prefeito de São Paulo. Eu não vou votar nele. Mas, vai ganhar a eleição com um "pé nas costas". E vai ganhar porque as periferias da Cidade ficaram abandonadas. O povo não está preocupado neste momento com kits ou coisas parecidas, mas com a saúde - que não funciona - o trânsito, que está travado, a segurança, em uma cidade que até a própria polícia não tem
segurança. Diante disso, o kit gay, ora o kit gay...
A pregação contra o kit gay, neste momento, é  tranca em porta arrobada. O que a Igreja evangélica - e principalmente a Assembléia de Deus, deveria ter feito - e ainda a tempo de fazer - é levar o reino de Deus para cada coração paulistano e brasileiro. Ela está perdendo tempo com projetos políticos, que nada mais são do que carros na frente de bois. O principal pelo secundário.

O que a Igreja precisa é de um grande projeto de evangelização pessoal. Mas não é isto que está sendo desenhado nos bastidores da Igreja. Ela está encantada com o poder político, segue pelo mesmo caminho da Igreja Católica que já quebrou a cara com isto.
Antes da conclusão devo dizer uma verdade solenemente: os agentes do tráfico de drogas em São Paulo têm  conquistando mais jovens da periferia para vender pó, do que a Igreja Assembléia de Deus para seus grupos de mocidade. E alguém já disse que os nomes dos jovens encarcerados de hoje são muito esclarecedores. Digo mais, se alguém for fazer uma pesquisa entre as pessoas que descem às águas dos tanques batismais, quantos na verdade vieram de famílias não crentes?

Isto é uma vergonha.De que adianta ter 12 vereadores evangélicos na Câmara se estamos perdendo (sim, estamos) a periferia para o tráfico de drogas? Porque a Igreja não está funcionando? Resposta: porque os fiéis se animam com os projetos de suas lideranças. Quando há mais política secular no púlpito do que fogo do Espírito Santo, o resultado não poderia ser diferente.

Menos política e mais Evangelização.


João Cruzué.